Central do cliente
Esqueci minha senha
Home Contato
Home » Notícias
Produção industrial cai em 11 das 14 regiões brasileiras
Postado em: 05/04/2013
Produção industrial cai em 11 das 14 regiões brasileiras
Indústria de minérios de MG foi uma das que mais pesou negativamente para o estado apresentar recuo da produção industrial entre fevereiro de 2012 e 2013 (Divulgação Vale)
Das áreas que o IBGE avalia em seus estudos, apenas Goiás, Rio Grande do Sul e Santa Catarina expandiram sua produção entre janeiro e fevereiro

A produção industrial em fevereiro recuou em 11 dos 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na terça-feira, o IBGE informou que o ritmo da produção nacional despencou 2,5% em fevereiro - maior recuo mensal desde dezembro de 2008 quando, no auge da crise financeira internacional, a indústria do país recuou 12,2%. O número praticamente anula o avanço de 2,6% registrado em janeiro ante dezembro. Na comparação com fevereiro do ano passado, a queda é ainda maior, de 3,2%.

Entre as regiões, a queda mais significativa foi em Minas Gerais, de 11,1%, seguido por Bahia (-3,7%), Ceará (-3,2%), Pernambuco (-3,2%) e Pará (-2,5%). Também houve queda no Paraná (-2,2%), Região Nordeste (-2,0%), Espírito Santo (-1,8%), Rio de Janeiro (-1,5%), Amazonas (-1,2%) e São Paulo (-0,5%), de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira.

Apenas Goiás (5,0%), Rio Grande do Sul (2,1%) e Santa Catarina (0,4%) conseguiram aumentar sua produção na indústria, em um momento em que o Brasil sofre com a queda de demanda internacional, diminuição das exportações e consumo interno ainda fraco.
Na comparação com fevereiro de 2012, a produção industrial nacional recuou 3,2% em fevereiro de 2013, com dez dos 14 locais pesquisados apontando queda na produção. As taxas negativas foram vistas no Espírito Santo (-13,4%), Minas Gerais (-9,8%) e Pará (-7,2%).

Nessas localidades, os setores que mais pesaram negativamente foram o de metalurgia básica (lingotes, blocos, tarugos ou placas de aços ao carbono) e alimentos e bebidas (produtos embutidos de carnes de suínos e bombons), no primeiro local; veículos automotores (automóveis), metalurgia básica e indústrias extrativas (minérios de ferro), no segundo; indústrias extrativas (minérios de ferro e minérios de alumínio) e celulose, papel e produtos de papel (celulose), no último.

Apenas Goiás (9,1%), Rio de Janeiro (3,6%), Rio Grande do Sul (2,0%) e Ceará (0,9%) mostraram expansão. Em Pernambuco (-6,0%), Paraná (-5,5%), Região Nordeste (-4,1%), Santa Catarina (-3,3%), Amazonas (-3,2%), Bahia (-2,2%) e São Paulo (-0,8%) também houve queda na produção da indústria.
Fonte: veja.abril.com.br/noticia/economia/producao-industrial-cae-em-11-das14-regioes-brasileiras
Parceiros
COGNITOS
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
EPIRA
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
COM DOMINIO DA SAUDE LTDA - ME
COGNITOS
EverNET - Sites e Sistemas Online
ANUNCIE AQUI
 
Home Sobre o site Contato Anuncie
Valid XHTML 1.0 Transitional
Atenção: O Guia Metalúrgico não se responsabiliza pelos anúncios constantes de seu site, que são de responsabilidade exclusiva de cada anunciante
Copyright © 2012 - Guia Metalúrgico, Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela   |