Central do cliente
Esqueci minha senha
Home Contato
Home » Notícias
Atraso, fofoca e má vontade podem emperrar promoção, revela pesquisa
Postado em: 03/09/2013
Atraso, fofoca e má vontade podem emperrar promoção, revela pesquisa

Levantamento lista os erros que prejudicam o crescimento profissional

Uma pesquisa realizada pelo site Carrerbuilder listou os erros que podem emperrar a promoção de um funcionário. O levantamento feito com mais de 2 mil profissionais de RH americanos mostra que aspectos comportamentais - como chegar atrasado, fofocar ou mentir - também podem influenciar a decisão de um chefe.

Em primeiro lugar, com 71% das respostas, eles deixariam de promover alguém que não se dispõe a assumir outras funções quando isso é necessário, justificando que algo "não faz parte do meu trabalho". Os atrasados também são malvistos: 69% deixariam de promover alguém que chega tarde no trabalho com frequência.
 
Para 68%, pessoas que mentem no trabalho podem se prejudicar, 64% acham o mesmo de profissionais que tomam o crédito pelo trabalho dos outros, e 55%, com aqueles que tomam "liberdades" na hora de colocar despesas pessoais na conta da empresa.
 
Não cumprir a carga horária de trabalho é considerado um problema por 55%, enquanto 46% deixariam de promover alguém que fofoca demais, e 35%, aqueles que não se vestem profissionalmente. Já chorar no trabalho e namorar um colega de empresa seriam problema para menos de 10% dos entrevistados.
Fonte: www.clickcarreira.com.br/querocrescer/2013/9/2/6027/atraso,-fofoca-e-ma-vontade-podem-emperrar-promocao,-revela-pesquisa-.html
Parceiros
COGNITOS
EPIRA
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
EPIRA
COGNITOS
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
 
Home Sobre o site Contato Anuncie
Valid XHTML 1.0 Transitional
Atenção: O Guia Metalúrgico não se responsabiliza pelos anúncios constantes de seu site, que são de responsabilidade exclusiva de cada anunciante
Copyright © 2012 - Guia Metalúrgico, Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela   |