Central do cliente
Esqueci minha senha
Home Contato
Home » Notícias
Bovespa fecha sexta sessão seguida em alta
Postado em: 15/08/2013
Bovespa fecha sexta sessão seguida em alta

O principal índice da Bovespa teve seu sexto pregão de alta consecutivo nesta quarta-feira, em um dia de volatilidade e alto giro financeiro, marcado pelo vencimento de contratos de opções e futuros do Ibovespa. O Ibovespa fechou em alta de 0,58%, a 50.895 pontos. O giro financeiro foi de R$ 27,47 bilhões - o maior desde junho do ano passado.

Após ter aberto a sessão em queda, o índice chegou a avançar 1,5% durante a tarde, zerou os ganhos e voltou a subir. De acordo com profissionais do mercado, contribuiu para a volatilidade o vencimento nesta quarta-feira de opções sobre Ibovespa e contratos de Ibovespa futuro.

Nesta sessão, colaboraram para um clima mais positivo dados mostrando que as economias da Alemanha e da França cresceram mais rápido que o esperado no segundo trimestre.

"O fato do crescimento dessas economias ter superado as estimativas dá sinais de uma recuperação na zona do euro", afirmou o operador Carlos Nielebock, da Icap Corretora.

Assim, o índice deu continuidade aos ganhos das cinco últimas sessões, reduzindo sua defasagem em relação às bolsas americanas, em meio a notícias positivas do cenário externo, principalmente da China.

Em agosto, o índice acumula alta de 5,52%, tendo diminuído sua queda em 2013 para 16,5%.

"Também ajudaram nos ganhos recentes o fato de os balanços de grandes empresas como Petrobras, Vale e os bancos não terem decepcionado, dando suporte para o índice no curto prazo", afirmou o analista Felipe Rocha, da Omar Camargo Corretora.

Entre os papéis que puxaram o índice para cima nesta quarta estavam Petrobras, PDG Realty e Usiminas.

ALL foi outro destaque de alta, depois de a Cosan ter afirmado que pôs fim às negociações para comprar ações da empresa de transporte ferroviário sem que o acordo se concretizasse.

A notícia aliviou temores do mercado que associavam a entrada da Cosan no bloco a uma mudança na governança da ALL.

"Existia a preocupação de que houvesse um aumento muito grande de investimentos, principalmente neste ano, em que a ALL deve passar a ter um fluxo de caixa positivo", afirmou Rocha, da Omar Camargo Corretora.

Empresas do grupo EBX também brilharam, principalmente a LLX, refletindo informações sobre uma possível venda de ativos para o fundo de Abu Dhabi Mubadala Development Co PJSC.

Participantes do mercado voltaram ainda as atenções para resultados corporativos, como os da Oi. Os papéis da operadora de telecomunicações recuaram com força após a empresa reverter resultados positivos e anunciar prejuízo líquido de R$ 124 milhões no segundo trimestre, número mais fraco que o esperado.

A companhia também anunciou que decidiu alterar sua política de remuneração de acionistas e com isso vai pagar dividendos de R$ 500 milhões relativos aos exercícios sociais de 2013 a 2016.

Fonte: economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201308142117_RTR_SPE97D09A
Parceiros
SEJA UM PARCEIRO!
COGNITOS
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
SEJA UM PARCEIRO!
EPIRA
SEJA UM PARCEIRO!
ANUNCIE AQUI
COM DOMINIO DA SAUDE LTDA - ME
ANUNCIE AQUI
ANUNCIE AQUI
EverNET - Sites e Sistemas Online
ANUNCIE AQUI
COGNITOS
 
Home Sobre o site Contato Anuncie
Valid XHTML 1.0 Transitional
Atenção: O Guia Metalúrgico não se responsabiliza pelos anúncios constantes de seu site, que são de responsabilidade exclusiva de cada anunciante
Copyright © 2012 - Guia Metalúrgico, Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela   |